Atividade Esportiva

Orientação e avaliação das principais atividades esportivas que envolvem o membro superior

Reabilitação Inteligente

Retorno às atividades e orientação direcionada

Resultados

Tratamento individualizado para obtenção dos melhores resultados

Vida Diária

Tratamento visando qualidade de vida para suas atividades diárias

Qualidade de Vida

Devolvendo aos nossos amigos a sensação de independência

Hobby

Doenças específicas tratadas por especialista

Esporte

Recuperando o tempo perdido

Luxação Acromioclavicular (LAC) - deslocamento da clavicula

 

Introdução

O termo luxação é erroneamente utilizado na vida diária como sinônimo de contusão. Luxação significa perda da congruência articular.

 A luxação acontece quando um os ossos presentes em uma articulação sofre um deslocamento e perde o contato, assumindo uma posição anormal. Em muitas articulações, a luxação é uma lesão gravíssima e de urgência médica e deve ser restaurada a anatomia normal o mais rápido possível.

Na articulação acromioclavicular, a luxação significa também a perda da congruência articular, que pode ser parcial ou total. Diferentemente de outras articulações do corpo não constitui uma urgência médica e muitas vezes pode ser tratada de forma conservadora (sem cirurgia ou qualquer tipo de manipulação)

Luxações ao redor do ombro são lesões muito comuns, principalmente em determinados esportes. A maioria dessas são luxações da articulação acromioclavicular (AC) .  A articulação AC é a conexão entre a escápula (omoplata) e a clavículaLuxação do ombro e separações da AC  são muitas vezes confundidas umas com as outras. Mas estas lesões são muito diferentes.

Este guia vai ajudar você a entender

  • O que é a  articulação AC
  • O que acontece quando a articulação AC é separada
  • Como uma luxação AC é tratada

            Anatomia

Qual é a articulação AC, e como ela funciona?

O ombro é formado portrês ossos:escápula (omoplata), o úmero (osso do braço), e a clavícula.

A parte da escápula que compõe o teto do ombro é chamado deacrômio.  A articulação AC é o lugar onde o acrômio e a clavícula se encontram. Ligamentos mantêm esses dois ossos juntos.

Os ligamentos são estruturas de tecido mole que se conectam osso a osso. Os ligamentos AC circundam e sustentam a articulação AC. Juntos eles formam a cápsula articular. que é uma bolsa que envolve a articulação e os fluidos que banham a articulação. Dois outros ligamentos, os ligamentos coracoclaviculares, mantêm a clavícula abaixada normalmente em seu lugar, ligando-se a uma estrutura anatômica da escápula chamada de processo coracóide.

Luxações da AC são classificadas de várias formas mas podem ser simplificadas como leve, moderada e grave  dependendo de quais ligamentos são distendidos ou rompidos. O tipo leve é um simples entorse dos ligamentos AC. Os médicos chamam essa lesão de grau 1, quando não existe uma separação verdadeira. No grau dois existe uma ruptura dos ligamentos acromioclaviculares e um entorse dos ligamentos coracoclaviculares. Uma ruptura completa dos ligamentos AC e dos ligamentos coracoclaviculares é classificada come de grau três. Esta última lesão resulta em uma deformidade na parte superior do ombro.

lac1

 

VÍDEO - ANIMAÇÃO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 

Causas

Como a luxação AC pode acontecer?

A causa mais comum de uma separação AC é a queda sobre o ombro. A força da queda empurra a escápula para baixo. A clavícula por estar ligada à caixa torácica (por meio da articulação esternoclavicular) , não pode se mover o suficiente para acompanhar o movimento da escápula. Desta forma os ligamentos da articulação AC começam a se romper e a articulação começa a se separar. Alguns estudiosos até comparam a articulação acromioclavicular com um "fusível" do ombro, que se rompe após um trauma para evitar lesões maiores em outras estruturas vitais.

Quais os sintomas que esta doença causa?

Os sintomas variam desde uma dor localizada sobre a articulação após um entorse do ligamento, até uma dor intensa e deformidade (abaulamento em cima do ombro) quando há separação completa. 


 

Diagnostico

Como meu médico fará o diagnóstico?

Seu médico terá de obter informações sobre o ferimento e uma história clínica detalhada.

O diagnóstico geralmente é feito pelo exame físico. Seu médico irá palpar a articulação lesionada para melhor avaliação. Isso pode se doloroso, mas é muito importante para o médico detectar exatamente onde seu conjunto dói e avaliar as possíveis estruturas lesadas.

Seu médico pode solicitar raios-X. Radiografias podem demonstrar a separação da AC, e podem ser necessários para descartar uma fratura da clavícula. 



Tratamento

Quais as opções de tratamento estão disponíveis?

O tratamento não-cirúrgico

 Tratamento para os graus leves de separação geralmente consiste de analgésicos e de um período de repouso com uso de tipóia acompanhado de um programa de reabilitação dirigido por um fisioterapeuta ou outro profissional.

O tratamento do grau três da luxação AC é um tanto controverso. Nas luxações onde não há uma deformidade grande e em pessoas sem demanda funcional grande, podemos trata-lá conservadoramente com uso de tipóia. Em pacientes que apresentam uma exigência funcional maior do membro superior, o tratamento cirurgíco é indicado.

Cirurgia

A cirurgia é indicada para lesões mais graves e em pacientes com grande demanda funcional e sempre deverá ser discutida com o especialista. Existem várias técnicas para o tratamento cirúrgico, desde a fixação com 2 "pinos" (fios de kirshner) sem necessidade de corte; técnicas que utilizam uma pequena incisão para reparar os ligamentos e até o uso de enxerto de tendões para as lesões mais graves.

Portanto não existe uma "receita de bolo" para o tratamento destas lesões, cada caso deverá ser analisado de acordo com a gravidade do deslocamento e com o nível funcional do membro.

É importante lembrar que quando existe uma luxação de uma articulação, a cartilagem pode ser seriamente danificada no trauma o que pode levar a uma artrose precoce desta articulação, independente do tratamento conservador ou cirúrgico e das técnicas utilizadas.

lac3

 

Reabilitação

O que devo esperar após o tratamento?

Reabilitação não-cirúrgica

Se você não precisou de cirurgia, exercícios de amplitude de movimento devem ser iniciados após o alivio da dor, seguido por um programa de fortalecimento. Na maioria dos casos, a dor desaparece quase por completo dentro de três semanas. A recuperação total pode levar até seis semanas para os graus moderados e até às 12 semanas para casos mais graves. 

Após a cirurgia

Você irá provavelmente utilizar uma tipóia pelo período de 4 a 6 semanas. Depois, iniciará com um programa de reabilitação com medidas analgésicas e exercícios para ganho de amplitude de movimento e alongamento. A fisioterapia ativa se inicia após este período inicial e tem como objetivo o fortalecimento gradual da musculatura.

A recuperação da cirurgia do ombro pode levar algum tempo. Você vai precisar ser paciente e fiel ao seu programa.